Portal V1

Começou o Cadastramento do Garantia Safra.

14/09/2009

futures trading strategies

O Emater começa a parti desta segunda-feira (14) o cadastramento do Programa Garantia Safra 2009/2010. Os agricultores devem procurar o escritório do Emater em Valença para realizar o cadastro. Hoje serão cadastrados os agricultores das localidades Oiticica e Aparecida (152), amanha (15), os agricultores de João Pires, assentamentos Barro Preto e Ramalhete (174). Na quarta e quinta-feira os de Inhinga, Sanharó, Furnas, Mesa de Pedra e Tabuleta (250). Nos dias 18 e 21 os da Taboquinha, Fazenda Velha, Barrocão e Ponta D’água (380). De 22 a 24 os de Isidória, Mimoso, Palmeirinha, Fumal e Comboeiro (200).

Dia 25 Serra do Batista e Lagoa do Roque (150) e dia 28 será a vez dos 200 agricultores do Pai Pedro, Buritizal e Vereda Comprida serem cadastrados. A diretora do Emater, Chiquinha do PT informou ao alencarnet, que os dias 29 e 30 de setembro serão reservados para atender os agricultores que não puderam comparecer no dia marcado. O coordenador estadual do Garantia Safra, Matias disse que o agricultor deverá comparecer com os seguintes documentos: CPF, RG, Titulo de Eleitor, assim como os documentos do seu conjugue e o CPF do dono do imóvel se for o caso. Cada agricultor receberá no final da safra um beneficio de R$ 600 reais, divididos em quatro parcelas de R$ 150 reais que será pago, caso as perdas agrícolas sejam superior a 50%. Das cidades da microrregião valenciana, apenas as prefeituras de Francinópolis e Elesbão Veloso não aderiram ao Garantia Safra.          

jfdghjhthit45
Compartilhe

1 Comentário

  1. Maria Veridiana Rodrigues Teodosio em 16/07/2010 às 09:52

    Estou insatisfeita com este programa em meu municipio(Itapipoca-Ceará), pois, é muito há muitos beneficiarios que não são agricultores, tais como;professores, funcionários público etc…Para constatar é so analisar os cadastros da localidade de Tabocal- Itapipoca.Lembrando;Muitos agricultores que sobrevivem unicamente da agricultura estão deixando de ser beneficiados. necessitamos de uma fiscalizaçao do ministério da agricultura.