Valença do Piauí, 27 de nov, 2021

Depois das demissões prefeito Walfredo Filho abrirá ano legislativo

Prefeito Walfredo Filho
Prefeito Walfredo Filho

Os onze vereadores de Valença abrem o ano legislativo no próximo dia 20 de janeiro. A sessão de solene é marcada pela participação do prefeito municipal Walfredo Filho, que fará a leitura da mensagem do governo para o ano de 2014. O prefeito norteará metas para serem alcançadas nesse ano, que segundo a gestão municipal foram plantadas ano passado. Já os vereadores especialmente os da oposição prometem cobrar mais ações do prefeito, uma vez, que passado os primeiros 365 dias da gestão municipal já está na hora de aparecer os primeiros resultados prometidos em palanque.

Apesar da trégua, os vereadores cumpriram suas obrigações em requerer obras e projetos para a cidade de Valença, ao longo de 2013 foram aprovados inúmeros projetos e requerido varias ações para a cidade de Valença. Outra pauta do ano passado foi as denuncias feitas aos órgãos estaduais e federais de supostas irregularidades em obras inacabadas, suposto uso de laranjas em empresas, problemas com o meio ambiente e a insatisfação dos servidores com atrasos de salários dos efetivos e comissionados.

Nesse quesito, o prefeito Walfredo Filho acaba de demitir de uma canetada só todos os cargos comissionados e com contratos de prestação de serviços. A medida deixou sem emprego pessoas importantes na eleição do prefeito que começam o ano com uma carta de exoneração informando que desde 31 de dezembro não pertencem mais aos quadros da prefeitura e agradecendo o esforço de cada um na eleição do prefeito municipal.

Teoricamente o Decreto 56/2013 atingiu todos os comissionados e contratados como prestadores de serviços que tentam entender suas demissões. A medida atingiu muitas pessoas ligadas aos vereadores da base aliada, que nos bastidores reclamam da falta de sintonia com o prefeito municipal, quando o assunto é a valorização dos vereadores puro sangue, ou seja, aqueles que votaram e trabalharam para eleger o prefeito Walfredo Filho e que agora terão que arcar com mais esse debito de sustentar pessoas que não foram avisadas de suas exonerações e contraíram débitos confiando que estariam protegidos pelo prefeito que ajudaram a eleger.

7 Comentários

Neto Vaqueiro

Oi,quem mandou votar no homem!!!!!!!Duvido que eu esteje preocupado!!!!!!

09 jan, 2014 Responder

FRANKLIN MENDES DO NASCIMENTO

KKKKKKKKKKK EU ACHO É POUCO…….É TAKAAAAA!!!!

10 jan, 2014 Responder

jose rabelo

Não se preocupem que em 2016 ele irá fazer a farra com o nosso dinheiro e contratar toda essa gente outra vez.
Até concordo com Prefeito,pra que prestadores de serviço? nos próximos dois anos não haverá ELEIÇÕES municipais,portanto pra que se preocupar com os serviços do municipio,deixa a urubusada cuidar da CIDADE,mesmo porque o VALENCIANO irá reelege-lo.
ASSIM TA BOM DEAIS……

09 jan, 2014 Responder

Aílton Carvalho

Este primeiro ano de administração do atual prefeito está parecidíssimo com o primeiro ano do então prefeito Jarbas Matias, tanto na parte administrativa quanto na extravagância e na locupletação do poder. Se o final deste filme também for igual ao da Jarbas, sei não viu!! Vamos aguardar os fatos, pois eles falam por si.

10 jan, 2014 Responder

Felipe Campos

Estão dando graças a Deus que foram demitidos,já estavam entrando no 4 mês sem salário!
Como já estão dizendo seus próprios vereadores:Prefeitim de 4 anos!!

11 jan, 2014 Responder

Fran Veloso

“Amar a DEUS sobre todas as coisas.”
E não amar o “deus Walfredo” sobre todas as coisas, pois “ele” não te salvará. “Ele” te jogará às traças.

12 jan, 2014 Responder

anonimo

Ea asim mesmo tristesa de ums alegria de outros poriso q falo nao adianta bajular . trabalhar 2 meses de graca pra mim q ja tinha passado a escravidao.

13 jan, 2014 Responder