Valença do Piauí, 27 de nov, 2021

Edvaldo Moura convoca sociedade a fiscalizar eleições no Piauí

Presidente do Tribunal Eleitoral Regional, Edvaldo Moura
Presidente do Tribunal Eleitoral Regional, Edvaldo Moura

Às vésperas da Eleição em primeiro turno no Piauí, o presidente do Tribunal Eleitoral Regional, Edvaldo Moura, afirmou neste sábado (04) que está tudo preparado para o pleito e as expectativas são as melhores para que tudo corra bem. Na oportunidade, o desembargador convocou a sociedade para fiscalizar as eleições.

“Está tudo organizado, todas as providências foram ultimadas, tudo foi feito com esse propósito: fazer com que a Justiça Eleitoral realize o melhor trabalho para o eleitor, para os candidatos e partidos políticos”, disse o presidente do TRE.

De acordo com o Edvaldo Moura, a segurança está coordenada para coibir os crimes eleitorais. Mas ele pediu que a população fiscalizasse a votação.

“Existem as instituições de controle como o Ministério Público, a Justiça Eleitoral e as polícias Federal, Civil e Militar, que exercem papel supletivo na segurança das eleições. Mas o grande fiscal do processo, e o único destinatário da eleição, é o povo que é titular do poder político”, explica o desembargador.

Sobre a apreensão de R$ 11 mil em São Raimundo Nonato, o presidente afirmou que a Justiça Eleitoral está atenta ao que foi apresentado pelo Ministério Público e Polícia Federal e que quando os fatos forem aprovados serão analisados com “cuidado e critério”.

“Se ficar comprovado que haveria compra de voto, a Corte vai julgar com o devido rigor. Estamos atentos aos fatos e se for algo de competência da Justiça Eleitoral o caso vai a julgamento”, garantiu Edvaldo Moura.

Fonte: CIDADEVERDE

0 Comentário