Portal V1

Juiz concede liminar e suspende votação da previdência em Valença

31/03/2017

O Juiz da Comarca de Valença Dr. Juscelino Norberto, concedeu uma liminar nesta sexta-feira (31) suspendendo qualquer espécie de votação referente ao projeto de lei que cria em Valença a Previdência Própria dos Servidores Publicos Municipais pela Câmara de Vereadores de Valença.

O projeto estava na pauta da sessão desta sexta-feira, mais devido a liminar o mesmo não foi votado.

Um grande numero de servidores municipais compareceram ao parlamento para acompanhar a sessão que por falta de quórum não foi realizada. Dos 11 vereadores, apenas dois, o presidente Nonatim Soares e a vereadora Iris Moreira compareceram a sessão. 

O presidente do SINDSERV, Carlos Wagner elogiou a decisão do juiz e do Ministério Publico em impedir a votação do projeto, que segundo o mesmo não respeitou os tramites normais. O presidente afirmou que desde a sua apresentação à prefeita Ceiça Dias não sentou para discutir o projeto com os servidores preferindo apenas impor sua aprovação a sua base parlamentar.

Ele ressaltou que o projeto apresentado pela prefeita Ceiça Dias é o mesmo apresentado pelo ex-prefeito Walfredo Filho, que tentou aprovar o projeto, mais foi convencido a desistir pelos servidores.

Outra que elogiou a participação da Justiça e do Ministério Publico foi à vereadora Iris Moreira. Ela juntamente com o SINDSERV acionaram a justiça contra o projeto que segundo a mesma em sendo aprovado prejudicará diretamente os servidores municipais que não tiveram a oportunidade de conhecer o projeto e suas consequências futuras.  

Tanto a vereadora, quando o presidente do SINDSERV disseram esparrar que a prefeita Ceiça Dias ao invés de tentar constranger seus vereadores em votar num projeto contra a vontade da maioria dos servidores, opte em dialogar com a categoria.

Compartilhe

1 Comentário

  1. antonio borges em 02/04/2017 às 22:08

    Esses vereadores da base da prefeita deveriam legislar em defesa do bem comum e não em causa própria o que mostra claramente que além de seus subsídios estão recebendo algo por trás dos panos,só isto justifica irem contra a vontade do povo,colocando o futuro da nossa cidade em cheque na mão de pessoas corruptas, estão vendo o rombo em várias previdências estaduais e municipais e não tomam como exemplo,isso é o mais absurdos dos atos de covardia que alguém pode cometer, visto que alguns são servidores do município e serão prejudicados de igual forma.
    Amigos valencianos esta luta é nossa,é de quem já é servidor, de quem possa ser futuramente,e das famílias que tem seus parentes empregados, como diz o dito popular é melhor um na mão do que dois voando.Avante a luta é nossa.

Deixe seu comentário