Valença do Piauí, 12 de jul, 2024

Justiça eleitoral ouve testemunhas das ações eleitorais de Valença

 As audiências foram realizadas no cartório eleitoral
As audiências foram realizadas no cartório eleitoral

A Justiça Eleitoral esteve reunida nesta quarta-feira (24) para ouvir as testemunhas e as alegações das duas ações impetradas pela Coligação “Capaz de Fazer”, contra o prefeito Walfredo Filho e a vice-prefeita Paula Jeanne. As audiências realizadas no cartório eleitoral terminaram depois das 17h e atraiu a atenção de populares, que se dirigiram até o local das audiências.

As ações eleitorais foram impetradas depois que foram detectadas supostas irregularidades nas prestações do prefeito e da vice-prefeita apresentada por sua assessoria contábil, que omitiu gastos com a realização de comícios, programas de radio, multa, confecção de bandeiras e multa eleitoral. Esse esquecimento da assessoria contábil foi detectada pelo Ministério Publico Eleitoral, que pediu a reprovação das contas após a eleição não sendo atendido pelo juiz eleitoral, que as aprovou com resalva.

As audiências teve a participação de sete advogados, entre eles a advogada Margarete Coelho, que veio de Pernambuco para a audiência. “Foi bastante positivo esse dia, as irregularidades apontadas foram comprovadas e agora vamos esperar os próximos passos, ou seja, temos três dias para as diligencias, dependendo dos advogados, vem às alegações finais, tem a participação do promotor eleitoral e ai o processo estará à disposição do juiz eleitoral para dar a sua sentença” explicou.

Entre as testemunhas ouvidas pela manha estava o próprio prefeito municipal Walfredo Filho. A Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (AIME), que corre em segredo de justiça foi realizada no período da tarde. A vice-prefeita Paula Jeanne que não foi localizada na semana passada pela Justiça Eleitoral esteve durante todo o dia no cartório eleitoral.

13 Comentários

Fernando Soares

Como foi dito na matéria não acredito que esse juiz tenha coragem de casar o prefeito. Se tivesse já teria cassado como sugeriu a promotora. Porque todos sabem que teve radio, palanque, multa, bandeira etc. se o juiz fosse o Jose Airton ex-de pimenteiras a historia seria outra pois eu morava em pimenteira na época e nunca vi um juiz tão destemido. Cassou o Arraes, fez uma nova eleição, isso sozinho. Hoje ele preside os juízes.Eu acho que o grande desafio será encontrar um parágrafo que inocente o prefeito mesmo contrariando os dez que o condena

24 abr, 2013 Responder

Caatinha da Silva Morto

Ainda não foi cassado? Tão esperando o que?
Senhora de vendas nos olhos, faça o que tem que ser feito. Casse-os.

25 abr, 2013 Responder

Fabio Assuncão

Tenho muita fé em Deus que o Dr. cassa essa dupla que tá acabando de acabar com minha querida Valença.

25 abr, 2013 Responder

Francisco Evando Gonçalves da Silva

ts mais do que na hora de da um basta nisso…………. é 15 na prefeitura.

25 abr, 2013 Responder

GEOVANNA

casse-os já o que estão esperando!

25 abr, 2013 Responder

Paulo Melo

Confio plenamente na competência do juiz eleitoral José Oswaldo, pois o mesmo além de ter tido uma postura inquestionável durante a campanha eleitoral, não aprovou na íntegra a prestação de contas da coligação vencedora. Confio também no promotor Danilo Ramos que aparenta ser sério. Pois, caros valencianos chega a ser ridículo até para o eleitor mais comum ouvir de um candidato que tinha o apoio do prefeito e do governo do estado dizer que gastou R$ 42.000,00 em toda a campanha, pasmem!!!! Imaginem o que possa está pensando um advogado especializado em direito eleitoral. Pasmem mais uma vez!!!! Aguardemos os fatos que esperamos ser justos.

25 abr, 2013 Responder

Francisco Evando Gonçalves da Silva

concordo plenamente, agora so nos resta esperar a decisão do Sr. Juiz, que confiando em DEUS vai ser a cassação dessa dupla

26 abr, 2013 Responder

Caatinha da Silva Morto

É necessário. Pelo apresentado na prestação de contas, os que se dizem honestíssimos, é uma questão legal e de justiça a cassação dos eleitos. Justiça Neles, já!

26 abr, 2013 Responder

isaias

calma vermelho a dor ne começo agora q tar só com 4 mes ainda falta mais chuuuuuupa 15,,,,,

26 abr, 2013 Responder

Roberval

Realmente Isaías,
Agora que estão com 4 meses de destruição da já destruída Valença, mas espero que fique apenas nesses 4 ou 5 meses, o tempo restante é para tentar corrigir os erros cometidos ao longo de 12 anos de maus administradores na Prefeitura.
Confio no Juiz Eleitoral, confio no Promotor e principalmente, confio na Justiça, e principalmente, acredito e confio em Deus.

Abrço

26 abr, 2013 Responder

Francisco Evando Gonçalves da Silva

Estamos cada vez mais perto da verdade!!!!!!!!!!

27 abr, 2013 Responder

Ingrid

Confio primeiramente em Deus, mas espero que a justiça faça alguma coisa para acabar com as pessoas neles e esquecem de cuidar da nossa valença. Quero a cassação dos “eleitos”!!!

29 abr, 2013 Responder

Gregorio da Silva lopes

Sou Valenciano mas tenho vergonha de ter nascido no piaui. Porque os politicos so pensam em si. Ja andei em muitas cidades do Estado de Sao Paulo e vi muitas cidades menores que valença, uns dez mil vezes mais desenvolvida que valença. Porque as pessoas que as residem so elegem politicos para desenvolvelas.

01 maio, 2013 Responder