Portal V1

Motociclista morre em Valença após bater em ônibus

29/09/2015
arquivo

arquivo

O senhor Antonio José de Barros Lima, morreu na tarde desta terça-feira (29) após bater na traseira de um ônibus da empresa Nova Brasil Tur na Avenida Joaquim Manoel, próximo a Vara do Trabalho.

De acordo com informações repassadas pela Policia Militar, a vitima vinha no sentido Icaraí, centro da cidade quando bateu no ônibus que entrava no sentido do Bairro Novo Horizonte.

Ainda segundo a policia, a esposa da vitima disse a que o mesmo havia ingerido bebida alcoólica.

Após a batida, o mesmo chegou a ser socorrido mais faleceu antes de dar entrada no hospital regional. Após os procedimentos, o corpo foi liberado para a família.

Compartilhe

3 Comentários

  1. Gregório Araújo em 29/09/2015 às 23:43

    Amigos e amigas de Valença do piauí, Brasil e do Mundo, falar de acidentes é muito complexo eu diria que hoje no Brasil e principalmente em Valença do Piauí de 100 vítimas fatais ou não no trânsito, 5% ou menos, SÃO de fato ACIDENTES os 95% ou mais são IMPRUDÊNCIA.
    Eu a cinco anos, faço propaganda volante em um carro de som nas Ruas de Valença e as vezes em outras Cidades e posso afirmar sim, todos os acidentes são provocados por imprudência dos condutores vítimas ou não, a poucos dias atrás timos um grande exemplo em Valença, durante uma semana semana o Departamento que fiscaliza o Transito no Estado estava na cidade e por conta disso não houve acidente e nem vítimas ESSA É A MAIS PURA REALIDADE. Por tanto deve-se investir na EDUCAÇÃO ESCOLAR ENSINANDO DESDE A CRECHE AO DOUTORADO AS NECESSIDADES DE APRENDER OS HINOS NACIONAL ESTADUAIS E MUNICIPAIS E PRINCIPALMENTE AS REGRAS DO TRANSITO BRASILEIRO AÍ SIM DAQUI A 20 ANOS ESTE PERCENTUAL SE INVERTE.

  2. vicente macedo em 30/09/2015 às 11:33

    É mais uma vítima da irresponsabilidade, tanto de quem dirige como das autoridades que deixa tudo correr frouxo, quando alguém tenta corrigir, essas autoridades local critica inclusive o próprio prefeito. Em Valença, se ver carros e motos andando até sem placas, condutores sem a devida habilitação, poucos sabem o que é seta (sinal de mudança de direção), não existe placas de sinalização em nenhuma rua desta cidade, ninguém sabe o que é mão ou contramão cada um faz do jeito que quer. Aí está o resultado da falta de lei. Enquanto não morrer um filho do prefeito ninguém vai tomar providência, pobre é pobre só faz diferença na hora de votar.

  3. vicente macedo em 30/09/2015 às 20:51

    Só tem um detalhe amigo gregório na semana em que o DETRAN esteve aí em Valença/PI fazendo esse trabalho, o próprio prefeito da cidade deu entrevista criticando a ação das autoridades de trânsito. Eu também estive aí ano passado e vi 5 pessoas andando encima de uma moto, inclusive uma criança de colo na 15 de novembro.

Deixe seu comentário