Portal V1

Altos é punido pela Justiça Desportiva e River é campeão Piauiense

03/06/2016
Justiça Desportiva

Justiça Desportiva

O Campeonato Piauiense de Futebol da temporada de 2016 teve um final diferente do que normalmente acontece nas competições. Os títulos são decididos no campo de jogo, porém existem excessões. É exatamente o que acaba de acontecer no Piauí. O River Atlético Clube é beneficiado por um grave erro administrativo da Associação Atlética de Altos.

O clube altoense simplesmente colocou em campo na partida com o próprio River o zagueiro Vítor com 3 cartões amarelos, todos aplicados no segundo turno.

O caso foi parar na Comissão Disciplinar do TJD, reunido na noite desta quinta-feira(2). E o resultado foi por unanimidade de votos pela punição à representação de Altos. Punição: perda dos pontos da partida em que venceu o River por 3 x 1 na final do segundo turno do Campeonato Piauiense.

O triunfo havia dado a Altos o título do segundo turno, a conquista da Taça Cidade de Teresina e o direito de decidir o título estadual de 2016 com o mesmo River, vencedor do primeiro turno. Assim, não teremos mais os dois jogos extras e o tricolor é o campeão do ano. É o trigésimo título riverino no futebol piauiense.

A Federação de Futebol do Piauí vai aguardar a comunicação oficial do Tribunal de Justiça Desportiva nas próximas 48 horas para confirmar o título riverino.

Dirigentes da Associação Atlética de Altos nem mesmo compareceram à sala de reuniões do TJD, possivelmente porque não tinham esperanças de sucesso no julgamento. Foi um erro grave da diretoria altoense, prejudicando o clube que realizou uma campanha brilhante no Campeonato Piauiense.

Fato igual aconteceu há dois anos quando a Portuguesa de São Paulo foi rebaixada da Série A do Campeonato Brasileiro por escalar um jogador em situação irregular.

Em relação ao recurso do Parnahyba contra o River, sob alegação de que o volante Rogério jogou em Parnaíba na vitória riverina por 1 x 0 também com 3 cartões amarelos, houve arquivamento. Foi repetida a decisão da Comissão Disciplinar que havia dado ganho de causas a Altos no caso do jogador Paulo.

A Comissão Disciplinar, naquela oportunidade, entendeu que os cartões do primeiro turno do Campeonato Piauiense não teriam que ser somados aos cartões do segundo. Protegido por essa decisão, o River escalou Rogério.

O Parnahyba, através do seu Presidente Batista Filho, declarou que vai recorrer do Pleno do TJD e até mesmo ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva.

Fonte:cidadeverde

Compartilhe

Deixe seu comentário