Portal V1

Empresa que faturou R$1,5 milhão em Novo Oriente e Prata é de zelador

22/02/2017

A Controladoria-Geral da União está investigando a empresa Martins Serviços e Comércio de Automóveis Eirele, constituída em 10 de abril de 2012, com sede na cidade de Novo Oriente do Piauí, que teve atuação nos municípios de Prata do Piauí e Novo Oriente do Piauí, no ano de 2013, obtendo um faturamento total de R$ 1.505.839,64 (um milhão, quinhentos e cinco mil, oitocentos e trinta e nove reais e sessenta e quatro centavos), naquele exercício, conforme dados do Tribunal de Contas do Estado do Piauí.

Empresa Martins Serviços e Comércio de Automóveis Eirele

A empresa, segundo pesquisa realizada nos sistemas corporativos da CGU, é constituída por um sócio e um administrador. O sócio dessa empresa trabalha na função de zelador de edifício na empresa Clean Service Ltda., de CNPJ nº 03.379.896/0001-50, especializada em limpeza e conservação de prédios e domicílios, com remuneração mensal de um salário mínimo, desde abril de 2012.

Na visita realizada por técnicos da CGU à sede da empresa Martins Serviços e Comércio de Automóveis Eirele, havia apenas uma pessoa trabalhando, que informou se tratar do endereço das empresas Martins Serviços e MSabóia Construções.

No imóvel, segundo o relatório de demandas externas da CGU, “havia materiais de construção, e uma pequena sala de escritório, não sendo identificado garagem nem veículos”.

O relatório da CGU é conclusivo: a empresa Martins Serviços e Comércio de Automóveis Eirele é uma empresa de fachada “haja vista que seu único sócio trabalha como zelador de edifício, em Teresina, distante cerca de 240 km da sede da empresa na cidade de Novo Oriente do Piauí, percebendo mensalmente um salário mínimo. A renda do sócio, portanto, mostra-se incompatível com a atividade de empresário, proprietário de empresa que faturou o montante de R$ R$ 1.505.839,64 em 2013, das prefeituras municipais de Prata do Piauí e Novo Oriente do Piauí”.

Marcos Vinicius Cunha Dias e Antonio Parambu

Em 2013, a cidade de Prata do Piauí era governada por Antonio Gomes de Sousa, o conhecido “Antonio Parambu” e Novo Oriente do Piauí pelo médico Marcos Vinicius Cunha Dias, ambos filiados ao PTC.

Empresa também atua no “Transporte Escolar”

A empresa, de acordo com a CGU  “prestava serviços” de transporte escolar a Prefeitura de Prata do Piauí, tendo sido contratada através de dispensa de licitação. As despesas, no montante de R$ 334.997,37 (trezentos e trinta e quatro mil, novecentos e noventa e sete reais e trinta e sete centavos) foram custeadas com recursos do FUNDEB, PNATE e recursos próprios da prefeitura,

O relatório aponta que os veículos utilizados para o serviço de transporte escolar não pertenciam à empresa contratada, não havia autorização de uso para esse tipo de serviço e que a gestão desse serviço era feito pela própria prefeitura. A empresa Martins Serviços e Comércio de Automóveis Eirele participava apenas na emissão das notas fiscais e recibos para justificar o desembolso dos recursos públicos pela gestão municipal.

Outro lado

Procurados pelo GP1 na manhã desta quarta-feira (22), os ex-prefeitos Marcos Vinícius e Antonio Parambu não foram localizados para comentar o caso.

Repórter: Gil Sobreira do GP1

Compartilhe

4 Comentários

  1. João Raimundo em 22/02/2017 às 14:10

    A casa esta começando a caí, não é ?
    Muito bonito!!! Muito mesmo quero ver a justificativa para esse absurdo, se é quê exista justificativa!!! O pior é quê depois quê o PT passou pelo governo Federal do BRASIL, ninguém quer mais desviar mil não, a onda agora é só milhão… tai um caso R$:1.505.839,64… Até tu Brutus meu Filho, dava pra ver quê uma campanha tão cara como a da atual prefeita de VALENÇA só podia dar nisso… mais vamos ver logo os fatos e qual será a justificativa… Mais é BRASIL aqui não dar em nada roubo mesmo… taí um monte de políticos vermes alguns acusados de corrupção outros presos, mais ninguém devolve nada fica algum tempinho preso em troco do dinheiro… lamentável mais é BRASIL…meu DEUS ajude quê PT no BRASIL mais nunca… ensinou todos os partidos pequenos do Brasil a roubar…

    • José rabelo em 22/02/2017 às 21:49

      Os caras são do PTC e vc vem fazer ligação com PT?
      se liga,o Piauí sempre foi sugado por quadrilhas desde época de Hugo Napoleão,se o Piauí hj cresce e se desenvolve foi graças a politicas de inclusão desenvolvida pelo PT,qdo fui embora do Piauí isso aí não tinha nem ESTRADAS parecia um deserto
      Más graças a pessoas que pensa como vc que nosso Estado ainda é MT pobre e atrasado
      E se essa gente se perpetua no poder em Valença é pq vcs não são capazes de derrota-los,pura incompetência da oposição.

  2. chico em 22/02/2017 às 15:14

    E eu me perguntando pq as aulas em Valença tava demorando pra comecar.

  3. Antônio em 23/02/2017 às 09:40

    Tem que ser investigado a fundo, mas esse jornalista baba ovo de prefeito, não aquele que se envolveu em uma polêmica com um repórter do programa Pânico? Justamente por tentar protege- lo de investigação!

Deixe seu comentário