Portal V1

Euforia

06/10/2008

Passada a euforia das eleições temos que pensar seriamente no futuro desta cidade que não é nada promissor, algo necessita ser feito para tirar  Valença do atraso que a mesma vive.

 

Não se pode continuar enganando o povo como falsas promessas e festas, pois o povo não tem dinheiro para comparecer.

Infelizmente o povo não tem educação política e torna-se massa de manobra nas mãos dos políticos inescrupulosos que visam apenas lucros e exploração da verba pública. Isso acontece em qualquer lugar do país, não seria diferente no nordeste, aqui devido a uma série de problemas sociais, econômicos e políticos, as coisas acontece com mais freqüência, isso não é nada bom.

 

Se o povão tivesse mais consciência de seus direitos, deveres e suas responsabilidades a situação seria completamente diferente, mas temos muito o que evoluir para aprender a viver numa verdadeira democracia e exercer de fato e de direito a questão de direitos e deveres.

 

Valença por ser uma cidade bem antiga poderia estar bem mais desenvolvida, mas ainda não é devido a ignorância de uns e esperteza de outros, e no meio disso estar sempre o povo que não tem a quem recorrer para ter seus direitos e deveres atendidos.

 

Mas algum dia, poderemos viver numa cidade melhor, tudo vai depender dos cidadãos em procurar ser mais esperto, usar melhor algo que Deus lhe deu, a inteligência e através da educação poderemos construir uma cidade exemplar e digna.

 

Estarei na alencarnet com a coluna Valença em Foco, colaborando com idéias e assuntos do interesse da sociedade valenciana, para o amplo desenvolvimento desta cidade, que precisa voltar a ser a cidade sorriso.

 

Francisco Otávio – Escritor

 

Compartilhe

15 Comentários

  1. MEndes em 07/10/2008 às 10:50

    O que acontece é resumidamente o seguinte: “O Eleitor corruto que se vende fica à procura de um político honesto”. Fica um protesto para o eleitor que vende o seu voto.

  2. Caro amigo Francisco Otavio.
    Valença continua sendo a cidade Sorriso.O desenvolvimento evolui normalmente como qualquer cidade do nosso Brasil.
    Porém discordo quando voce culpa a falta de consciencia do povão. O povão é sábio, ele sabe o que quer, ele tem consciencia politica sim, não é, e nunca foi massa de manobra, ele vai aonde vai se sentir confortavel.
    Quanto aos politicos inescrupulosos, eles estão em todos os lados, é o que não falta; estão na direita na esquerda e no centro. E aqueles que se dizem honestos hoje, só aguardam o momento propicio para se corromperem tambem, é questão de tempo e oportunidade.
    Gostaria que voce apontasse qual seria a solução para a alvancagem progressista de nossa Valença, seja um grupo politico, seja um lider politico que mudasse assim inloco a forma de progresso de nossa cidade. Pois quando se aponta falhas é porque já visualizamos o modo de corrigi-las. Torne-as públicas, lhe aplaudiria tal ato de sua parte.
    Francisco Goveia. “um valenciano”. [email protected]

  3. Passei um final de semana nesta cidade que eu amo e me desesperei com o absurdo que ela se tranformou, Valença está suja abtada por urubus, o Hospital dificilmente tem um médico no plantão, as ruas cheias de buracos e as pessoas ainda tem coragem de deixar um administrador de visão retrograda por mais quatro anos e que disse em um de seus discursos que vai fazer do olho d’água um parque aquático!!! tenha a santa paciência. Quatro anos é muito tempo pra viver no ATRASO! Acorda Valença!!!!!

  4. o mais vergonhoso na política de Valença é que mesmo depois da eleições a policada ainda está assanhada… querendo a todo custo estar no poder, mesmo sabendo que foi minoria nas urnas… agora eu vos pergunto de que adianta estar no poder sabendo q eu a maioria não o colocou lá? opa… eu disse maioria? povo? tão nem aí pra esse tal de povo… é daí que a gente tira a preocupação dos políticos com o povo… e esse tal de ‘povo’ só retribui nas urnas as pauladas que recebem 4 anos consecutivos… quer ler mais??
    http://rodrigoantunesleal.blogspot.com/2008/10/quem-perdeu.html

  5. Getúlio Maciel em 16/10/2008 às 09:19

    Parabéns ao Francisco Otávio pelo excelente artigo… é a realidade que vemos em nossa cidade!

  6. Me causa indignação quando eu abro um noticiário de Valença que vejo o descaso do poder público municipal, então a única conclusão que eu tenho é que o legislativo de Valença trabalha somente em benefício proprio, vejo uma materia do Vereador Valdefran Vieira que até então estava mancumunado com o candidato a reelição Alcantara, agora que já passou a campanha ele está dando fé que as ruas de Valença estão intrafegáveis, que o trabalho porco do prefeito precisa de correção, talvez se ele tivesse ficado do lado do povo tivesse obtido vantagem. O que me indigna é essa hipocrisia, é por isso que os filhos de Valença estão cada vez mais longe, poque é difícil ver sua mãe morrendo aos poucos e não poder fazer nada sozinho.

  7. Caro amigo João Manoel,concordo em tudo a sua posição sobre PEROLA STAIN. As eleições já se foram, os bons estão de todos os lados, a decisão do povo é soberana.
    Se Perola Stain se submetesse ao sufrágio popular para ser Prefeito(a) de Valença, teria meu voto, adoro pessoas desse naipo. Seria a solução administrativa perfeita para a nossa cidade SORRISO.

  8. Não sei onde perola stain quer chegar qdo diz que o Vereador Valdefran tem que ficar do lado do povo. Que lado é esse? Acredito que Valdefran sempre esteve e esta ao lado do povo.

  9. O problema de Perala Stain é simplesmente de ordem fundamentalista, não absorve o resultado soberano do povo de Valença em relação a escolha do prefeito. Lamento esse resquicio frustante de sua parte. PEROLA STAIN TERA MEU VOTO EM 2012, (PREFEITO OU VEREADOR(A).

  10. Estimado Chico Otávio,

    Cumprimento-o primeiramente pela sua coluna no Alencarnet.

    As críticas quanto ao que escrevemos, sobretudo, quando a gente emite opinião desfavorável ou favorável a determinados interesses, tendem a despertar a ira de quem se sente contrariado. Perseverar, é este o verbo, mesmo que setores da sociedade queiram achar que tudo é política partidária, haverá alguém que vê a crítica não como uma censura, mas como uma contribuição, uma sugestão para se encontrar uma melhor saída.
    Você Otávio teve a sorte de ser de um berço que lhe transmitiu cultura, educação de qualidade e este estilo de serenidade que você herdou do Pereira, seu pai, que eu tive a oportunidade de conhecer, era um gentleman. Mas os cavalheiros são educados apenas, não quer dizer que devam ser submissos. Gostei do seu texto, de suas opiniões espero continuar tendo a oportunidade de vê-las no portal.

    Um abraço, breve nos encontraremos em Valença.
    Gregório Veloso

  11. Kátia Veras Gomes em 20/10/2008 às 12:42

    Gostaria através deste portal, avisar ao rapaz motorista do carro de propaganda política, que já ultrapassou o limite da falta de respeito para com meus pais, pois ontem minha mãe de 76 anos e meu pai 84, viram e ouviram pela quinta vez desde que o Alcantara ganhou, o tal motorista parar o carro e fala ao microfone em frente a casa dos mesmos, pedindo para o Bené mostrar os votos.Bom eu informo que o Bené mora em Teresina, que venha para nossa porta, pois estou avisando se não tomarem providências levarei o caso ao Dr. Marlom Sampaio, pois já está passando de mel a garapa.

  12. Vejo que meus comentários abriu uma discussão na pagina de comentarios deste portal, eu não sei se daria pra me candidatar daqui a 4 anos, pois talvez nao teria dinheiro pra tanto. Um grande abraço ao amigo Francisco Goveia.

  13. George em 23/10/2008 às 17:29

    Francisco Otávio,
    Parabéns pelo espaço concedido a você, para expor suas idéias. Mas… você deveria responder às críticas ( construtivas ou não ) a seu trabalho, pois você só tem a crescer com elas.

  14. E VIROU MULECAGEM FOI??
    Pelo visto a cúpula do poder não perde tempo mesmo, resta saber se eles querem a filiação no Partido dos Trabalhadores (PT) ou no partido do governo, mais é bom que observem que a ideologia politica dessas pessoas contradiz a ideologia politica do PT, a não ser que o PT de Valença esteja corrumpido pelo poder tambem. Eita povinho que não perde tempo!

  15. Olga em 10/12/2008 às 17:08

    Francisco Otávio,
    Ao ler sua coluna senti que Valença pode lutar contra o “coronelismo” ainda existente em pleno século XXI.Não é preciso discorrer dos casos políticos que se encontra nesta querida cidade;no entando é preciso que os jovens façam a mudança saindo da alienação política em que vivem,talvez a culpa nem sejam deles e sim de uma cultura,em que política é assunto de adultos…..

Deixe seu comentário