Portal V1

HORA DE TIRAR O PÉ DA LAMA!

12/03/2009

A Fundação Nacional de Saúde – FUNASA, Regional do Piauí, programa para realizar na próxima segunda feira 16 de março, no auditório da APPM, um encontro com Prefeitos Municipais. Na oportunidade serão discutidas ações de saneamento ambiental e de educação em saúde para os Municípios. Valença certamente estará representada neste evento de singular importância para o desenvolvimento sócio ambiental da cidade, sobretudo porque além de sofrer muito neste aspecto, o povo tem aumentado a seu grau de preocupação e conscientização sobre este tema, talvez o de maior importância para o momento.

Ainda na administração do Dr. Jarbas Matias, 2001/2004, estudos foram elaborados por um escritório especializado da capital para implantação de uma usina para reciclagem de lixo domiciliar e um aterro sanitário, o trabalho inicial teve a responsabilidade de renomado profissional da área, o arquiteto Ferraz, sediado na capital. Ele esteve na cidade, visitou os locais que entendeu importantes para a elaboração do estudo, em especial o lixão, equivocamente chamado de aterro sanitário, o olho d’água, onde observou depredação e ocupação irregular, além de outras áreas próprias para implantação de lagoas de tratamento. Com o arquiteto estivemos acompanhando o Dr. Jarbas Matias numa viagem a Brasília e um pré-projeto foi elaborado para construção de uma usina de reciclagem e aproveitamento de resíduos, além da mudança do lixão para um aterro sanitário apropriado. Naquela oportunidade o estudo estava escudado pelo Dep. Federal Paes Landim, na época muito interessado em receber apoio do prefeito do prefeito Jarbas, como não se confirmou certamente as emendas que seriam destinadas a este plano tomaram outro rumo.

Não se quer aqui relembrar com as fotos que ilustram este escrito, o descaso, o os crimes que se cometem com o meio ambiente em Valença. Estes registros fotográficos foram feitos no lixão, infelizmente instalado às margens da BR. 316, a mais importante rodovia federal que corta o Estado do Piauí. As fotos falam mais que as palavras. Quem não conhece o local, tem agora a oportunidade de visualizar a disposição imprópria e ilegal do lixo (na margem de uma BR ao fundo a Br. 316), talvez o mais importante corredor rodoviário do Estado e conforme a lei federal, proibido para disposição de lixo. No mesmo momento, infelizmente tem a oportunidade de observar uma criança obtendo alguma coisa na condição de catador de lixo, disputando ao lado de animais domésticos, talvez sobras de comida ou objetos jogados. No mesmo cenário trágico, animais estão se cevando de restos de comida ou mesmo animais mortos, além do próprio pasto adubado na contaminação da terra pelo chorume.  Sobre os animais resta-nos ainda alertar, eles  serão um dia abatidos e consumidos pela população, sem nenhum controle sanitário por parte das autoridades, seguramente porque quem consome desconhece a origem e o grau de contaminação a que foram expostos.

Vamos então confiar que Valença vá ao encontro da FUNASA e na discussão do tema o nosso prefeito já possa dispor de elementos e um bom projeto para inserir a nossa cidade neste ambiente de financiamento que a FUNASA irá mostrar e oferecer. Diante da reunião dos prefeitos com o Presidente LULA recentemente em Brasília, entendemos que neste flanco de proteção ao meio ambiente, sobretudo com relação a saneamento urbano, deverão acontecer muitas transferências federais daqui até 2010. Vamos, pois buscar estes recursos e pelo menos iniciar um processo de saneamento urbano da cidade.

Compartilhe

Deixe seu comentário