Portal V1

Julgamento do caso Gercineide Monteiro já começou. Fotos

13/09/2018

A sessão acontece na sede da Comarca de Valença.

Começou na manhã desta quinta-feira, 13 de setembro, o julgamento da dona de casa Noêmia Maria da Silva Barros. Ela é acusada de participar da morte da ex-primeira dama de Lagoa do Sitio, Gercineide Monteiro, no dia 10 de fevereiro de 2015. 

Gercineide Monteiro foi morta com um tiro no ouvido enquanto dormia em sua casa. Cinco mulheres e dois homens compõem o Júri Popular, que é presido pelo juiz Dr. Juscelino Norberto e tem os advogados Dr. Dimas Batista e Dr. Joaquim Rêgo como defensores e o Ministério Publico é representado pelo Dr. Luiz Antônio.

Antes do sorteio dos jurados, o juiz e o ministério público rejeitaram a participação do assistente de acusação que tinha sido indicado por familiares do ex-prefeito Zé Simão que é apontado no processo como autor do disparo contra a vítima.  

Zé Simão foi inocentado pelo Tribunal do Júri em junho desse ano na cidade de Oeiras, mas o Ministério Público recorreu sob a alegação de que o júri proferiu sentença contrária as provas técnicas contidas nos autos. Duas pessoas já foram ouvidas até agora e nesse momento os jurados assistem aos depoimentos dos peritos. A expectativa é que o julgamento termine na noite desta quinta-feira. A sessão acontece na sede da Comarca de Valença.

 

.

Compartilhe

Deixe seu comentário