Portal V1

Luís Fabiano rouba a cena e Brasil atropela Portugal: 6 a 2

19/11/2008

 

Se antes de a bola começar a rolar para Brasil e Portugal nesta quarta-feira, na cidade-satélite do Gama, no Distrito Federal, a expectativa era pelo duelo entre o atual melhor do mundo, Kaká, e o provável futuro, Cristiano Ronaldo, ao final do jogo outro nome foi reverenciado por todos no Bezerrão: Luís Fabiano.  O atacante do Sevilla marcou três gols na impressionante virada brasileira para cima de Portugal por 6 a 2 e deixou o campo ovacionado aos 23 minutos do segundo tempo, quando foi substituído pelo “Imperador” Adriano.  De quebra, ajudou a equipe de Dunga a acabar com dois incômodos jejuns: o de não marcar gols no país, que já durava três partidas (Argentina, Bolívia e Colômbia) e o de não vencer os portugueses, que incomodava os brasileiros desde 1989.

Completaram a goleada o lateral-direito Maicon, da Inter de Milão, o meio-campista Elano, do Manchester City, e Adriano, da Inter de Milão. Para Portugal, marcaram o meia Danny, logo aos cinco minutos de jogo, e o atacante Simão Sabrosa, no segundo tempo. Depois de encerrar o ano em paz com o torcedor, fica a expectativa para o primeiro amistoso da equipe em 2009, marcado para o Emirates Stadium, casa do Arsenal, em Londres, diante da Itália, atual campeã mundial. A CBF garante que Dunga será mantido até lá, apesar de especulações apontarem para a presença do são-paulino Muricy Ramalho no comando antes mesmo da virada do ano. Depois da boa exibição desta quarta, o atual comandante deverá ganhar um pouco mais de sossego para permanecer no cargo e seguir sua caminhada para levar o Brasil à Copa de 2010. O próximo compromisso pelas Eliminatórias será em março, diante do Equador.

 

Compartilhe

Deixe seu comentário