Portal V1

PF quer concluir inquéritos de crimes contra prefeitos eleitos antes da diplomação

21/11/2008

O superintendente regional da Polícia Federal (PF) do Piauí, delegado Eriosvaldo Renovato Dias, informou que a instituição está encaminhando mais de 100 inquéritos policiais de investigação de irregularidades que teriam sido praticadas na eleição de mais de cem prefeitos no Piauí no dia 5 de outubro para que sejam concluídos antes da diplomação dos eleitos, dia 18 de dezembro, ou da posse, no dia 1o- de janeiro de 2009. O objetivo é fazer com que o Ministério Público Eleitoral recebe os relatórios das investigações positivas para que solicite à Justiça a não diplomação e posse dos prefeitos e vereadores com comprovação de crimes relacionados com a compra de votos e abuso do poder político e econômico nas eleições municipais no Piauí. “As denúncias estão sendo apuradas pelos inquéritos policiais. O delegado responsável pelas denúncias está trabalhando com muito zelo em cima desses casos e acreditamos que em breve os inquéritos estejam concluídos e devidamente relatados. A nossa expectativa é que sejam concluídos e relatados antes da diplomação dos eleitos, que atendam os anseios da sociedade, aos apelos dos denunciantes e que atendam, sobretudo, os interesses da sociedade, do Ministério Público, que precisa oferecer denúncias nos casos de crimes e propor ações que visem a não diplomação ou que oportunizem que o candidato eleito não tome posse”, falou Eriosvaldo Dias, adiantando que são dezenas de denúncias de crimes eleitorais.

Fonte: Portal Meio Norte

Compartilhe

Deixe seu comentário