Portal V1

Polícia apreende 5,5 toneladas de peixes em Valença.

11/01/2009

A polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, neste domingo no posto da PRF em Valença, um caminhão com 5,5 toneladas de peixes. Segundo informações dos patrulheiros federais, os peixes eram provenientes de Remanso na Bahia para serem comercializados no Maranhão. Ao abordarem o caminhão foi constatado que o caminhoneiro José Carlos da Silva não tinha a Guia de Transporte Animal, que regulamenta o transporte de animais no estado. José Carlos após ter a comprovação de que a carga seria apreendida, tentou subornar os guardas para que os mesmos o deixassem seguir viagem, fato que culminou com sua prisão feita pelos policiais rodoviários.

Ele foi entregue para a polícia militar e está detido na delegacia de Valença. A carga foi entregue para os fiscais da Agência de Defesa Agropecuária do Estado (ADAPI), que numa decisão apresada decidiram jogar as 5,5 toneladas de peixe no lixão da cidade. Decisão contestada pela população, que depois que os peixes foram jogados fora, muitas pessoas foram até o local para pegarem os peixes do lixão público. O chefe da ADAPI Gilson Chaves disse que a decisão de jogar os peixes no lixão seguiu o que determina a legislação “os peixes não tinha a GTA e nem a procedência, por isso a decisão de jogá-los fora” justiçou Gilson Chaves. Das 5,5 toneladas de peixes desperdiçadas pela agência, antes das 18h desse domingo não tinha mais que100 kg. 

Compartilhe

Deixe seu comentário