Portal V1

Polícia prende dupla suspeita de assassinar pedreiro Josémario

08/01/2016
Ele deixa a esposa e quatro filhos.

Ele deixa a esposa e quatro filhos.

O coordenador da Delegacia de Homicídios, Francisco Costa, o Baretta, confirmou a prisão dos suspeitos de amarrar o operador  de áudio de rádio Wellington Correia Lima e  assassinar com sete facadas o pedreiro Josemário Alves de Sousa. O crime ocorreu na noite de quarta-feira (06) na sede na Rádio Pioneira, localizada na Rua 24 de Janeiro, no Centro de Teresina.

Em entrevista ao Notícia da Manhã, Baretta informou que as prisões ocorreram na madrugada desta sexta-feira (08), no centro da Capital e no bairro Santa Maria da Codipi, Zona Norte de Teresina.

“Os dois têm passagens pela Polícia pelos crimes de furto e roubo. Durante o dia, eles saem vendendo bombons nas praças, usam drogas e a noite saem na caça de pessoas e cometem roubos. Eles confessaram o crime em partes, mas a equipe de delegados e agentes da Delegacia de Homicídios colheu todas as provas necessárias. Os suspeitos ficaram ‘cercados’ pelos dados coletados e agora estamos trabalhando para que a prisão seja formalizada”, disse Baretta.

Os acusados não tiveram a identidade revelada, mas são maiores de idade. Imagens de câmeras de segurança da rádio e testemunhas que viram um dos suspeitos com a roupa suja de sangue e uma faca, logo após o assalto, foram imprescindíveis para a elucidação do crime.

Josemário Alves morava no município de Valença, trabalhava na reforma do prédio da emissora e pernoitava no local. O pedreiro foi assassinado com sete perfurações após reagir ao assalto. Do local foram levados rádios, monitores, um par de tênis, dois celulares, garrafas de vinho e a motocicleta do pedreiro.A outra vítima não sofreu lesões, mas está abalado psicologicamente.

Fonte: cidadeverde

Compartilhe

1 Comentário

  1. Jota Junior em 08/01/2016 às 15:22

    Triste a falta de segurança, que tomou de conta do estado e do país. As leis são frágeis demais. Mais uma vida que se vai. Punição já.

Deixe seu comentário