Valença do Piauí, 21 de jun, 2024

Polícia prende quadrilha acusado de roubar joalheria em Valença

Após meses de levantamentos e troca de informações entre os serviços de inteligência do 4 BPM em Picos, Força Tática de Valença e Polícias Militar e Civil das cidades de Fortaleza, Parambu, Tauá e Crateús no Ceará, resultaram nessa segunda-feira (19), na prisão de uma organização criminosa responsável por diversos crimes em ambos os estados.

Foram presos em flagrante na cidade de Crateús no Ceará pelas equipes da Força Tática e BPRAIO, após tentarem assaltar uma loja de confecções, as pessoas de Emanuella Coutinho Gonçalves Cordeiro e Débora de Miranda Figueiredo, ambas de Fortaleza e que, no ano de 2014 cometeram um furto qualificado em uma loja de importados no centro de Valença.

Na ação também foram presos Jucicleudo Marinho Ribeiro da Silva, também de Fortaleza, o qual possuí passagens por homicídio, roubo, porte ilegal de armas e é um dos suspeitos, juntamente com outros comparsas e Francisco Mauricio de Assis, de terem cometido dois assaltos a lojas e joalherias em Valença em 2017 e outubro último.

No ato da prisão, Francisco Mauricio de Assis, vulgo “Maurição/Barba”, residente em Francisco Santos e que era foragido, portava documentos falsos, porém, após contatos da PMCE com a inteligência da Força Tática de Valença, descobriu-se que contra o infrator havia um mandado de prisão em decorrência de sentença condenatória da comarca de Picos.

Na tentativa de fuga, os criminosos roubaram uma motocicleta, porém foram interceptados e presos pelas equipes da Polícia Militar à qual já monitorava as ações da organização criminosa, à qual ultimamente vinha cometendo furtos e roubos de veículos e estabelecimentos comerciais na região de Picos, Valença, BR 020 e Ceará.

Durante a operação, foram apreendidas jóias e mercadorias de alguns dos crimes cometidos recentemente em Valença.

O grupo se encontra preso no distrito policial em Crateús e as polícias continuam diligenciando em busca do restante da organização criminosa, bem como trabalhando na recuperação dos bens subtraídos. Veja fotos, após a prisão e o video do roubo praticado pela quadrilha em outubro em Valença

 

1 Comentário

Daniel Lima

Ainda bem que pegaram esses vagabundos e vagabundas.

20 nov, 2018 Responder