Valença do Piauí, 09 de ago, 2022

Prefeito Walfredo Filho vai a Câmara para falar sobre ida a Brasília

Prefeito Walfredo Filho
Prefeito Walfredo Filho

O prefeito Walfredo Filho (PSB) participou nesta segunda-feira (25) da sessão ordinária da câmara municipal. A ida do prefeito atendeu ao convite verbal feito pelo vereador Benedito Gomes para que o prefeito fizesse um balanço da ida a Brasília no final de janeiro, onde ao lado dos demais prefeitos brasileiros participou do encontro nacional de prefeitos. Com a palavra o prefeito Walfredo Filho explicou sobre os programas e projetos apresentados no encontro nacional nas áreas de saúde, educação, agricultura, saneamento e trabalho que deverão ser apresentados pelas secretarias municipais.

O prefeito municipal também relatou em sua fala, a reunião que teve com o governador Wilson Martins e aproveitou para reeditar algumas partes do seu discurso feito na abertura do ano legislativo, dando ênfase à secretaria de trabalho e emprego comandado por sua esposa. Segundo o prefeito a secretaria de trabalho prepara uma gama de ações como a criação do Espaço da Juventude, que visa à motivação e qualificação do jovem valenciano. Espaço Cidadão que irá funcionar no CSU cujo objetivo reunir em um só espaço vários órgãos ações como Junta Militar, SINE e um posto do Cartório.

A fala do prefeito durou mais de uma hora e meia e foi considerada positiva pela oposição e situação pelo fato do pronto atendimento. Ao final da sessão, a presidenta Ielva Melão agradeceu a ida do prefeito e comentou sobre a matéria do Portalv1 que usou a palavra “convocação” e não “convite” como era o certo em uma matéria sobre a ida do prefeito. Pelo Regimento Interno, o vereador pode apenas convidar o chefe do Executivo e não convocá-lo.

A presidenta só não explicou porque não interviu quando da aprovação do requerimento verbal feito pelo vereador Benedito Gomes na penúltima sessão convidando o prefeito para participar da sessão ordinária. O problema é que para se convidar o prefeito ou convocar assessores municipais, o requerimento precisa ser escrito e não verbal como foi feito pelo vereador. Outra questão abordada é que o convidado deve se ater apenas as questões que motivaram o convite.

 

.
0 Comentário