Portal V1

Professores do estado paralisam atividades por 72 horas

22/09/2010

Greve na Educação Estadual

Greve na Educação Estadual

Os professores da rede estadual de educação decidiram paralisar suas atividades por 72 horas. O protesto inicia hoje (22). Eles reivindicam reajuste do piso salarial para R$1.312,00, mudança de classe, reajuste na regência e na gratificação dos diretores e secretários das escolas, além da contratação de vigias, zeladores e merendeiras.

De acordo com o SINTE, o governo não apresentou nenhuma proposta para os trabalhadores em educação. Na última audiência, com a participação de dirigentes do SINTE-PI e SINDESPI com o representante do governo, as negociação não avançaram.

Segundo a presidente do SINTE-PI, Odeni Silva, o Governo vem se mantendo omisso com relação aos problemas que assolam a educação e a saúde do estado do Piauí. “Durante esses três dias de paralisação vamos encaminhar diversas atividades de protestos por todo Piauí e, possivelmente vamos decidir por aprovação de uma greve geral por tempo indeterminado caso o Governo não abra o canal das negociações”, explica.

Será realizada uma manifestação na próxima sexta-feira (24), a partir das 9 horas, em frente ao Palácio de Karnak.

Compartilhe

1 Comentário

Deixe seu comentário