Valença do Piauí, 13 de jun, 2021

PSB entra com ação impedindo comemoração do Solidariedade em Valença

Presidente do PSB em Valença Walfredo Filho
Presidente do PSB em Valença Walfredo Filho

A recepção aos correligionários e simpatizantes do Partido Solidariedade que estava marcada para acontecer no Crovapi Clube logo após a posse da diretoria municipal não irá acontecer. O motivo foi uma ação movido pelo diretório do PSB na Justiça Eleitoral afirmando que a recepção fere o código eleitoral que não permite esse tipo de manifestação.

Após serem intimados, a direção do Solidariedade em Valença liderados pelo empresário Marcelo Costa e pelo ex-prefeito Alcântara afirmaram que iriam respeitar a decisão da Justiça Eleitoral, num entanto interpretaram a atitude como um ato de medo em relação ao surgimento do Solidariedade, cuja maioria dos membros e simpatizantes saíram do PSB. Segundo a direção o evento que seria realizado no Crovapi era apenas para comemorar a formação do partido em Valença.

Presidido no município pelo prefeito Walfredo Filho, o PSB é protagonista do primeiro embate político visando às eleições do próximo ano que pelo primeiro ato promete muitos embates.

Com a decisão, a programação de formação do Solidariedade em Valença continua com o ato solene as 19h na Câmara de Vereadores, onde é esperado um grande numero de simpatizantes e de autoridades.

O ex-prefeito Alcântara que será o 1º vice-presidente afirmou que o partido já conta com mais de 200 filiados, mostrando segundo ele a vontade do povo em buscar algo novo na política local. Sobre a ação, o ex-prefeito lamentou a decisão e afirmou que ela não muda a vontade do povo e que o efeito pode ser exatamente o contrario.

1 Comentário

vicente izidorio soares

A política em Valença continua a mesma, mudaram alguns atores, que se misturam a outros, que tentam utiliza a cidade como moeda de troca, como se deles fosse propriedade. Velhos políticos, agora sem mandato e sem prestigio político, tentam retaliar o atual prefeito, somente por vingança e talvez por questões econômica. Tentam e talvez consiga, empregar um modelo de gestão já praticado em outros municípios, onde quem menos interessa é o povo .
Valença não precisa importa políticos de fora , existe nesse terra homens e mulheres capazes de governa –la com amor e selo e compromisso com seu povo.

24 ago, 2015 Responder