Portal V1

Setur fará inventário turístico em Santa Cruz dos Milagres e Aroazes

07/02/2012

Santa Cruz dos Milagres

A Secretaria de Turismo vai realizar no mês de março, um inventário turístico nos municípios de Santa Cruz dos Milagres e Aroazes. O trabalho tem como objetivo identificar o potencial turístico nessas localidades. Em Aroazes, o foco do trabalho será a Fazenda Serra Negra, antiga propriedade do séc. XVIII que guarda parte da história do Piauí. O imóvel foi tombado em nível estadual pelo Decreto nº 12.135 de 15/03/06 pela Lei nº 4.515 de 09/011/92, que dispõe sobre a proteção do Patrimônio Cultural do Piauí. Cabendo à Fundação Cultural do Piauí (Fundac) a sua fiscalização e proteção.

Para que a fazenda seja transformada em um atrativo turístico, a Fundação Cultural do Piauí solicitou o apoio da Setur na realização do levantamento turístico. Segundo a turismóloga da Setur, Alberita Nunes, a equipe fará o levantamento primeiro no município de Aroazes e depois na Fazenda. “Primeiro fazemos um levantamento sócioeconômico e na infraestrutura do município. São observados os aspectos educacionais, a mão de obra e depois partiremos para o levantamento na Fazenda Serra Negra. O imóvel possui um grande acervo cultural, existe a Capela de Nossa Senhora de Santana, a Pedra de Santo Antônio, bem como patrimônio pré-histórico no Sítio Arqueológico Letreiro da Pedra Furada”, diz.

O trabalho será feito por quatro turismológos da Setur, que ficarão cinco dias em cada município. Serão aplicados 80 questionários por cidade, priorizando grupos como instituições de ensino, associações e órgãos públicos.“O número de questionários aplicados é baseado na população dos municípios. Além do levantamento dos dados, os turismológos fazem visita in loco aos locais apontados como atrativos, para avaliar a conservação, o potencial turístico e as necessidades”, disse.

O inventário turístico é uma ferramenta fundamental para que os municípios possam buscar recursos para transformar a propriedade em um ponto de visitação turística, possibilitando à população o acesso ao patrimônio, além de movimentar a economia da região.

Em Santa Cruz dos Milagres, o foco do trabalho é o turismo religioso. A solicitação feita pela Prefeitura tem como objetivo organizar o turismo religioso que já é consolidado na região. A turismológa explica que a própria população quer saber o que realmente pode ser passado para o turista como produto. “Apesar de os próprios moradores já reconhecerem os locais como atrativos turísticos, eles sentem a necessidade de profissionais da área para direcionar os passos a serem tomados para a implementação, fortalecimento e divulgação destes atrativos”, disse.
Gp1

Compartilhe

Deixe seu comentário