Portal V1

Celson Pereira nega ter jogado carro contra policiais

17/01/2012

celson Pereira: Acusado nega ter jogado carro contra policiais

Por questão de segurança Celson Pereira (33), acusado de provocar um acidente que terminou vitimando o policial militar Lucidio Monteiro e ferindo outro policial Miranda ficará detido na delegacia de Elesbão Veloso. A informação foi confirmada pelo comandante da 2ª CIA de Policia capitão Antonio Santos.

O comandante informou que a decisão foi tomada pelo delegado regional Odilo Sena, que responde pela regional, devido às férias do titular Beni Oliveira. Celson Pereira já foi ouvido pelo delegado regional e segundo informações obtidas com exclusividade pelo portalv1, nesse primeiro depoimento ele negou que tenha jogado o carro de propósito contra as motos dos policiais.

Segundo essa fonte, ele alegou que houve um estouro do pneu daí teria acontecido à fatalidade. O comandante Antonio Santos contestou essa informação e disse que existe testemunhas que teriam ouvido o acusado afirmar que iria provocar o acidente. O delegado regional efetuou o flagrante do acusado e tem 30 dias para concluir o caso. Veja fotos exclusivas minutos depois do acidente

.

Compartilhe

2 Comentários

  1. Ranier Nunes em 17/01/2012 às 23:46

    Isso não passa de orientações de seus advogados para livrá-lo do indiciamento por homicídio doloso (quando há intenção),com o intuito de ser autuado apenas por homicídio culposo ( não intencional).Essa argumentação falha e covarde, assim como foi sua atitude de assassinar o Lucídio e ferir o Miranda será facilmente contestada, acreditamos piamente na sua condenação, o sangue do soldado Lucídio clama por justiça!!

  2. luis aroldo em 18/01/2012 às 08:06

    oi eu sou luis Aroldo e é com total tristeza que eu deixo os meus pesos a família do meu querido amigo lucido onde todos nos estamos muito triste com a sua ausência não só de um amigão do peito mais de um grande irmão

Deixe seu comentário