Portal V1

Vai ter que demolir: Ministério Publico pede embargo de creche.

01/06/2010

crecO Ministério Publico, por meio da promotora Verônica Rodrigues Sales emitiu parecer favorável ao embargo da construção da Creche na Rua Professor João Soares, que invadiu a rua prejudicando a circulação de veículos e pedestres.

A ação foi solicitada pelo advogado Damásio Araújo  e pela Fundação Raul Alencar depois da repercussão negativa causada pela construção irregular da creche orçada em R$ 1.087. 398,00. Ontem durante a sessão da câmara o assunto voltou a ser debatido pelo Parlamento Municipal, o vereador Lindomar Amâncio tentou sem sucesso a aprovação de um requerimento, onde o Poder Legislativo autorizaria a construção da obra.

Depois de uma longa discussão, o vereador teve que retirar o requerimento e aceitar a sugestão do vereador Joaquim Filho em realizar uma audiência publica na próxima terça-feira com a participação dos poderes envolvidos na ação para tentar resolver o impasse.

A maior reclamação do Parlamento Municipal é que na hora de iniciar a obra, o Prefeito Alcântara não pediu a autorização da Câmara Municipal para invadir a rua “e agora como o Ministério Publico proibiu a construção o prefeito pede a intervenção da Câmara, agora somos importante?” indagou a vereadora Ielva Melão.

O vereador Joaquim Filho disse que o juiz não precisa ouvir a Câmara para dar o seu parecer “como o prefeito não pediu a autorização da Câmara antes da ação o legislativo pouco pode fazer porque a ação já foi movida e o Ministério Publico já se pronunciou e pelo parecer à obra é irregular ” afirmou. Em seu despacho a promotora pede que a prefeitura faça a demolição de tudo que já foi construído na rua e estabelecer uma multa diária de R$ 500 reais ao dia caso a decisão não seja cumprida.

Compartilhe

11 Comentários

  1. Mauricio Jones em 01/06/2010 às 10:48

    Esta ação so mostra o desmando em nossa DELAPIDADA Valença. O sr. prefeito aje como se fosse um ditador, acha que pode fazer o que quer e ficar impune. Um dia sua fonte vai secar nobre aicaide.

  2. Loise Ana em 01/06/2010 às 16:15

    Até que enfim uma decisão justa!!!
    Destruir parcialmente uma rua é um absurdo, ainda que seja para a construção de uma creche. Este episódio denota falta de organização e de planejamento. Se já sabiam que a verba viria para a construção da creche, então por que não se organizaram com antecedência??? Respondo: porque não há PLANEJAMENTO e COMPROMISSO!
    Por várias vezes manifestei e manifesto a minha insatisfação com alguns descasos que ocorrem em Valença porque, apesar de não ser eleitora nesta cidade, tenho familiares que nela residem e a amo muito, pois vivi adoráveis momentos durante a infância e adolescência nesta cidade e, portanto, não consigo me calar diante de tamanhos absurdos.
    O que não consigo compreender (também) é a indiferença de muitos populares e vereadores.
    ACORDEM! O TEMPO URGE!!!

  3. Kássio Gomes em 01/06/2010 às 19:48

    Lamento a ação movida contra algo que só trará benefícios à nossa cidade. Essa hierarquia medíocre de ter que estar submetendo algo a alguém. Precisamos de ações que quebrem essa barreira. Até pode estar dentro da Lei, mas está contra o desenvolvimento. Ainda assim quando a ação é movidada meramente por questões político-partidária. Não lembram do teatro que foi feito quando da obra do calçamento do bairro Novo Horizonte qndo o senhor Rubens Alencar o acusou de querer atrasar a cidade com o embargo do calçamento? e agora,o que ele quer com o embargo? Atrasar a cidade? Carecemos de compromissos e não dessa politicagem barata a que estamos submetidos a assistir.

  4. Socorro Avelar em 02/06/2010 às 12:04

    Gostaria de saber quanto o Kássio Gomes está mamando da Prefeitura para defender o “nobre” prefeito…….

  5. Decisão mais do que justa, pois partiu da promotora, porque se fosse esperar pelo…… A obra é mais do que merecida pra Valença, mas invadir metade de uma rua não justifica. Valença tem muitos terrenos desocupados para tal obra. O que acho mais nojento nisso é o Senhor Alcântara, que é o prefeito querer pousar de vítima, sabendo que está errado, usando como álibi a questão política. Ridículo, e ainda tem gente babão e ignorante, que se diz intelectual que dá apoio a essa mesquinhêz patrocinada pelo prefeito que pensa que pode tudo nesta cidade.Parabens a quem ingressou com a ação e a promotora pela coragem.

  6. Francisco Alves da Silva em 02/06/2010 às 17:15

    O que é pior, é que com tantos desmandos ainda querem jogar a culpa no Rubens Alencar. Meu amigo Cassio eu sou filho dessa cidade e moro nela a 31 anos, tenho certeza que nunca vi nossa cidade num período tão escuro, a começar pelo prédio da prefeitura, que está com a anergia cortada por falta de pagamento. Será se isso também é culpa do Rubens? Esse negócio de jogar a culpa da má adiministração na oposição todo prefeito ruim faz, vamos acordar.
    A creche é importante? É, mas pq num se programou pra receber essa grande obra? Valença é uma cidade com tantos terrenos baldios, posso citar vários pra vc, mas vou falar só de um, vc como um professor inteligente que é, já imaginou essa grandiosa obra no lugar daquela maternidade que só agride os nossos olhos? La tem espaço sobrando pra fazer essa bendita creche, agora, admitir que sua escolha para governo municipal foi péssima, vc também já deveria ter feito, pq Valença toda praticamente já fez isso, apenas aqueles apaniguados ainda continua no erro.
    Errar é humano continuar no erro é loucura.

  7. cival lopes em 03/06/2010 às 09:14

    não votei no prefeito, mais digo que o maior problema de Valença é essa oposição que não ajuda a trazer nada pra valença quando vem alguma coisa ficam falando que não é certo invadir uma parte de uma rua, rua essa de pouco movimento para a construçaõ de uma obra de grande importancia para o nosso municipio, principalmente se tratando de uma creche, por que não entraram na justiça contra a AGESPISA e o EX-GOVERNADOR que passou mais de sete anos no poder e não concluiram um RESERVATÓRIO DE AGUA na RUA ARLINDO NOGUEIRA E ADEODATO VELOSO, reservatório esse que só ia melhorar o abastecimento de agua da nossa cidade,o que falta em valença é um FILHO de VALENÇA nascido aqui e que more aqui em valença ser candidato e o povo acreditar nele, esse negocio de forasteiro quererem mandar em nossa CIDADE tem que acabar, pois eles estão acabando com ela.

  8. Franklin Mendes em 03/06/2010 às 18:38

    Viu que coisa!!!!! Querem enganar o povo de novo.Eles estão bem unidos para tentar enganar o povo,mas nós estamos de olho. Por que essa creche não foi feita antes? Quer saber? estava longe das eleições, agora vai ser o assunto dos comicios, que pouca vergonha!!!!!!E já temgente brigando por cargos nessa creche dizem que se fulano não tiver cargo vota contra o chefinho. É muitoridiculo usar o dinheirodo povo para se vangloriar e ainda comprar voto emtroca de cargos. Olha o golpe ai genteeeeeeeeeeeeeeeee………..A ditadura militar jáacabou??????

  9. getulio lopes da silva junior em 04/06/2010 às 13:40

    na milnha opinião deixaria a obra como esta mas. somente com algumas modificações

  10. Maria da Cruz Martins em 05/06/2010 às 17:12

    Porque fazer uma obra onde não tem sequer espaço?
    Porque não procuraram um espaço adequado?
    Eu como moradora do bairro “Bela-Flor”, e indignada com o descaso que temos no bairro, fico a perguntar: porque essa creche só pode ser feita naquele espaço??? se temos vários espaços em todos os bairros. Na “Bela_Flor” temos o espaço da antiga e conhecida “Casa Branca”, onde já foi sede da Escolinha Infantil “O Guri”, ´Lá está a casa caindo, jogada, sem nenhuma preocupação das autoridades, só lembrando que este bairro já teve 3 vereadores, sendo estes: Evandro Nogueira, Jeová Bomfim e Elizeu França, sendo que o vereador Elizeu continua e nosso bairro cada dia mais necessitado. É lamentável!!!

  11. Vicente em 05/06/2010 às 18:08

    Eu Acredito que povo de valença não vai aceita esse pedido do advogado que disse que fez em nome do povo de valença bem esse advogado ele não faz nem um serviço de graça para um valenciano ele e mais caro ele não mora aqui os filhos dele estudão em escolar particular ele pediu esse embarg usando nome do povo eu acho que tem politicos por traz disso e que eles não ama valença porque seus filhos estudão todos em escolar particular para eles essa abra beneficia os filho do povo mais carente por isso que eles não que essa obra que muito importante para nóis Valenciano essa onda de dizer que envadio rua todo bem mais lugar que vai estudar criação não podem ter movimento de carro proximo acreche pode acontecer acidente principalmente que esses motorista que não respeita os pedestre

Deixe seu comentário