Portal V1

Vereador revela bastidores do Poder Legislativo.

27/01/2010
Vereador Joaquim Filho

Vereador Joaquim Filho

Alguns comentários atribuídos ao prefeito Alcântara vem causando constrangimentos a base aliada na Câmara Municipal. São comentários que atinge de cheio os vereadores que dão sustentação ao prefeito e que chega a população que por sua vez fica sem entender o porquê dos comentários e a não reação dos vereadores aliados.

Em entrevista a 106 FM nesta quarta-feira (27) o vereador Joaquim Filho citou alguns desses comentários que ferem os vereadores da base aliada que por duas ou três vezes já foram obrigados a voltar a trás de suas convicções e tiveram que vetar projetos que os mesmos ajudaram a confeccionar.

Segundo o vereador Joaquim Filho ao ligar para o prefeito para saber o motivo da redução do percentual do repasse para a câmara o vereador Eliseu França ouviu do prefeito a seguinte afirmação “vereador já ganha muito dinheiro em Valença pra que aumentar o repasse”.

Outra afirmação do vereador atribuída ao prefeito é que ele teria afirmado que trocaria seus quatro vereadores pelo apoio do vereador Joaquim Filho no parlamento municipal.

Sem citar nome o vereador Joaquim Filho disse na entrevista que o prefeito havia criticado um dos seus vereadores que teve problemas de saúde ano passado e que foi levado às presas para Teresina com suspeitas de infarto, de acordo com o vereador na época o prefeito Alcântara teria afirmado que o vereador não tinha sofrido nada “a única coisa que o vereador queria era mim filar três mil reais” teria dito o prefeito à época.

Compartilhe

1 Comentário

  1. marcos leandro em 29/01/2010 às 09:44

    ” nao podemos aceitar tanta falta de RESPEITO com o LEGISLATIVO e de vergonha para com o povo valenciano”

    VALENCIANOS, se o nosso prefeito nao respeita os vereadores que o representa na CAMARA e um dos que teve problema de saude grave ele afirmou segundo a entrevista que o mesmo nao tinha sofrido nada e apenas queria FILAR KKKKKK
    imagino mesmo com a população.

    SINISTRO mas fazer o que?

Deixe seu comentário em marcos leandro