Valença do Piauí, 16 de out, 2021

Vereadores de Novo Oriente denunciam descaso com a saúde

José Nilton e Jaquelyne Nunes

Os vereadores José Nilton e Jaquelyne Nunes denunciaram o descaso na prestação do serviço de saúde ofertada pela Prefeitura de Novo Oriente. De acordo com os vereadores, a situação é crítica e lamentável, uma vez que a cidade e o mundo passam por uma pandemia, na qual a população precisa contar com a cobertura da saúde.

José Nilton

De acordo com os vereadores, a cidade hoje conta apenas com os médicos que trabalham no hospital porque houve uma pressão popular (abaixo-assinado) para o pagamento desses profissionais. As 03 equipes de saúde do município estão todas sem atendimento dos profissionais médicos e o restante da equipe enfrentam problemas financeiros.

“Nessa visita encontramos enfermeiros com três meses de salários atrasados, profissionais sem receber insalubridades, profissionais trabalhando com EPIs inadequados, almoxarifados com apenas 79 frascos de álcool em gel, a prefeitura gastou mais R$ 60 mil reais com a compra de álcool em gel”, relatou José Nilton que informou que a prefeitura receberá do governo federal R$ 1.780.139 para o combate a Covid-19.

José Nilton e Jaquelyne Nunes tentaram conversar com a secretária de saúde, mas não conseguiram.

“Procuramos conversar com a senhora secretária de saúde, por duas vezes, aguardamos a mesma no centro de saúde e a mesma não compareceu”, disse José Nilton.

Jaquelyne Nunes

Diante das dificuldades encontradas, a vereadora Jaquelyne Nunes entrou com uma Ação Popular pedindo que a prefeitura torne público os gastos com a pandemia, uma vez que a gestão municipal, segundo a parlamentar, não estaria dando a publicidade necessária aos gastos com a pandemia. Ela pede que sejam informadas as empresas beneficiadas e que seja dada a publicidade logo após os pagamentos terem sido executados.Inicial Ação Popular Transparência COVID-19 (1)

0 Comentário