Portal V1

Vereadores podem aumentar hoje em 12% taxa de iluminação publica

16/05/2011

Vereadores Ceiça Dias, Lindomar Amancio, Ielva Melão, Eliseu França e Pedro Ribalta

A Câmara Municipal de Valença votará na sessão desta segunda-feira (16) em primeira votação Projeto de Lei, que altera a Lei 1035/2005, que institui a Contribuição para o Custeio da Iluminação Publica (COSIP) em Valença do Piaui. O projeto caso seja aprovado peles vereadores aumentará em até 12%, o valor pago pelo contribuinte para a taxa de iluminação publica em Valença do Piaui.

Caso os vereadores aprovem o projeto, o consumidor irá pagar até 12% a mais na fatura de iluminação publica. Assim como todo o imposto a matéria é polêmica, uma vez, que mexe no bolso do consumidor, que na pratica não vê os resultados do imposto em seu dia a dia. Um bom exemplo desse descaso são as ruas Cloves Veloso e João Nogueira no centro da cidade, que mesmo estando localizados prédios como a OI Telemar, AGESPISA, CEJA, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Academia de Letras estão a mais de 03 meses com três lâmpadas queimadas sem nenhuma atitude da prefeitura.

Outra mudança significativa na Lei 1035/2005 que pode ser alterada hoje pelos vereadores é que a prefeitura extinguiu a tabela anterior, que fixava os valores da COSIP. Pelo novo texto, o consumidor irá pagar pelo valor de sua fatura que poderá chegar até 12% do valor total de sua conta mensal.

Para aprovar o projeto, a prefeitura conta com a obediência de sua base aliada composta pelos vereadores Ceiça Dias, Lindomar Amâncio, Eliseu França, Pedro Ribalta e Valdefran Vieira já que os vereadores Joaquim Filho, Tico Adriano e Gilmar Barbosa já declararam votos contrários ao projeto por acharem abusivos os valores estipulados pela prefeitura municipal.

Nesse tipo de votação a presidenta Ielva Melão não vota. Estão ainda na Ordem do Dia da sessão desta segunda os projetos que altera a Lei 1030/2005 que dá denominação a ruas em Valença e outro que denomina de Isabel Araujo de Santana, o cemitério do Povoado Nova Esperança, que mesmo a Câmara Municipal não tendo aprovado seu nome já foi inaugurado pelo prefeito no dia 21 de abril.

Compartilhe

8 Comentários

  1. antonio de picos em 16/05/2011 às 12:04

    Estão vendo ai povo valenciano,pra que serve estes vereadores de posição ao prefeito,é só pra aprovar isto ai.Pois eu pergunto a esses vereadores:o por quê de aprovar o aumento da taxa de iluminção plubica,se tem gente em valença,que não tem condição nem de comer vereador lindomar amancio,nem de pagar um aluguel sr.pedro ribalta,nem de ter 1 salario minimo dona ceiça,nem de viver com dignidade sr.valdefran vieira,enfim não tem condição pra nada sr.elizeu frança e essa presidente da camara ainda fica tirando foto com esses vereadores.Se voces querem aumentar todas as taxas que a prefeitura ordena,então vamos aprovar emendas ou obras pra gerar empregos em valença e dar qualidade de vida a população,não é cobrando impostos e taxas que valença vai pra frente, e sim gerando renda para as pessoas viverem e não desse jeito.Porque se não daqui a pouco o pessoal se revoltam e vão é embora de valença.Então população valenciana,eu não canso de falar vamos apreender a votar e deixar de votar por dinheiro,alias por favores besta que os politicos fazem na campanha e depois não tem nem um compromisso com o povo,antes de nós votarmos vamos ouvir primeiro o que eles oferecem pra nossa cidade.

  2. Ceiça Dias em 16/05/2011 às 12:14

    É preciso esclarecer a verdade da matéria.

    Iremos votar um projeto que já existe. Que foi votado na legislatura do Dr. Jarbas, inclusive por alguns dos vereadores que hoje se nega a votar (o que é justificável pelo fato de serem oposição). O projeto não é para aumento de 12% no valor da tarifa. As pessoas de baixa renda, por exemplo, vão ser beneficiadas com essa votação, pois o projeto vai é reduzir o valor gasto por elas. O aumento será para aquelas pessoas que gastam muita energia, ou seja, aquelas que tem vários condicionadores de ar, empresas que gastam muita energia. Estamos votando um projeto que vai beneficiar o cosumidor comum e, claro, aumentar para aqueles que gastam excessivamente sua energia. Pelo projeto anterior o gasto dos consumidores comuns era mais alto, já com a nova proposta reduz o valor, aumentando apenas daqueles que gastam excessivamente (volto a frisar). Foi um dos motivos pelos quais mudei o parecer, ou seja, só dei parecer favorável depois que houve a redução para as pessoas que gastam menos, incluindo aí os de baixa renda.

    O projeto fica a disposição de todos e gostaria que este portal colocasse o comparativo em valores de como vai ficar a taxa.

    Vocês vão perceber que há uma diminuição na taxa para quem realmente precisa e um aumento nas dos que gastam muito, o que é natural, é claro.

  3. Pedro Tenório em 16/05/2011 às 17:13

    Parabéns Vereadores!!!!

    Valença ta uma vergonha mesmo UHmm

  4. Pedro Tenório em 16/05/2011 às 17:18

    Boa Antonio!

    Mais a Politicalha de valença só querem saber de serem vereadores no final do mes!
    Triste a realidade!

  5. Essa vereadora Ceiça quer convencer ao povo que é uma especie de Robin Hood, toma dos ricos e dar para os pobres, desde quando aumentar conta de luz pode ser bom para alguem, só se for para os vereadores que irão votar, porque devem estar recebendo alguma compensação do prefeito.

  6. Dilthon Gamma em 16/05/2011 às 21:47

    Acho um absurdo o índice de aumento previsto de 12%, que representa o dobro da inflação anual e caso seja aprovado, irá recair de uma forma ou de outra sobre a população em geral. Pois como frisou a Vereadora Ceiça Dias de que o mesmo só atingiria consumidores em potencial, alertamos para senhora vereadora que esses consumidores são em maioria, empresários e daí repassarão os devidos custos para os seus produtos e/ou serviços para toda população. No entanto, sugerimos aos vereadores de oposição que ingressem na justiça solicitando a suspensão do aumento caso seja homologado pelo prefeito.
    Melhor seria que antes de enviar esse projeto, o edil percorresse ruas e vielas e verificasse a precariedade que é a iluminação pública em seu município.

  7. Kássio Gomes em 16/05/2011 às 23:46

    Como assessor da vereadora Ceiça Dias, discutimos muito esse projeto. Na verdade, alguns vereadores como o Vereador Joaquim Filho, já tinha se posicionado anteriormente com relação a esse projeto. A Vereadora Ceiça Dias nem era vereadora na época em que esse projeto foi aprovado na Câmara de Valença. Hoje ela vota para melhorar a tarifa para os consumidores de baixa renda como afirma em seu comentário. Sabemos que tem muitas pessoas que gastam energia de forma “anormal”. Muitas empresas, muito ricos fazem uso excessivo. Da forma que estava os cosumidores de baixa renda estavam sendo prejudicados. Não vejo motivo para banalização da discussão. É só comparar as duas tabelas para tirarem as dúvidas. A vereadoa Ceiça Dias, só vei dar parecer favorável depois de emendas reduzindo o pecentual daqueles que sofrem mais como é o caso das pessoas de baixa renda. Quanto aos ditos ricos, não vejo motivo pra defendê-los.

    E mais uma vez, peguem as duas tabelas e façam a comparação!

  8. francisco otavio em 17/05/2011 às 13:57

    E um absurdo aumento de energia que é de pessima qualidade antes de escrever já faltou luz na cidade. O povo deve esta atento a estes absurdos pois ano que vem teremos eleições municipais.

Deixe seu comentário