Valença do Piauí, 09 de dez, 2021

Justiça cassa liminar e Ielva Melão pode assumir há qualquer momento

Presidente Ielva Melão
Presidente Ielva Melão

O Tribunal Regional Eleitoral, (TRE-PI) divulgou nesta sexta-feira (05) em seu Diário Eletrônico, a integra do Mandato de Segurança impetrado pelo prefeito de Valença Walfredo Filho e a vice-prefeita Paula Jeanne com pedido de liminar contra a decisão do desembargador vice-presidente do TRE-PI, que determinou que a 18ª Zona Eleitoral dê cumprimento aos acórdãos e dê posse à presidenta da Câmara de Vereadores Ielva Melão no cargo de prefeita municipal até a realização de um novo pleito eleitoral.

Na ação, o prefeito pede que o TRE-PI o mantenha no cargo até o julgamento dos embargos declaração. O juiz relator Dr. José Gonzaga Carneiro em sua decisão decidiu por manter a decisão original e afastar o prefeito e a vice dos respectivos cargos.

“Ante o exposto, VOTO, em consonância com o parecer Ministerial, pelo conhecimento e desprovimento do presente recurso eleitoral, para manter íntegra a sentença proferida pela MM. Juíza Eleitoral da 18ª Zona, que cassou o diploma dos investigados Walfredo Val de Carvalho Filho e Paula Jeanne Rosa de Lima, respectivamente, Prefeito e Vice-Prefeito de Valença do Piauí – PI, e os declarou inelegíveis pelo prazo de oito anos, a contar da data de realização das eleições de 2012. Outrossim, os efeitos da decisão liminar proferida na Cautelar nº 113-56.2014.6.18.0000 devem ser revogados, sendo a decisão confirmada no presente acórdão, imediatamente executada” sentenciou.

Em conversa com o Portalv1 nesse sábado (06) o advogado José Maria afirmou que a posse da presidente, Ielva Melão depende agora da convocação do vice-presidente da câmara vereador Benedito Gomes por parte da juizá eleitoral Drª Keylla Procópio.

1 Comentário

MARIA

que natal teremos em valença , diante de tamanha desconsideração por nossa cidade, e por todos nós . prefeito deveria deixar sair a decisão desse da justiça de uma vez , que se quizesse a prefeitura teria honrado os valencianos que votaram nele , com honestidade.

08 dez, 2014 Responder